On Tuesday (27), the Dutch Ambassador to Brazil, Kees van Rij, had a very open and constructive meeting with the incoming Minister for Agriculture, Tereza Cristina.

Historically, the Netherlands and Brazil have always had good agricultural trade relations, to our mutual benefit. Currently, the Netherlands is the fourth largest export destination for agricultural products from Brazil after the United States, China and Argentina.

The Netherlands is a small country in size, but big in the agrifood and horticulture sectors. The Netherlands is the second largest exporter of agricultural products in the world, behind only the United States.

Innovation and research are key in Dutch agriculture and horticulture. Wageningen University & Research, the main scientific and educational institution in the Netherlands on this area, is considered to be one of the best agricultural universities in the world.

Universities and businesses are constantly looking for ways to make our agricultural footprint leaner and greener, with sustainability as top priority.

Embaixador da Holanda no Brasil realiza reunião com a nova Ministra da Agricultura

Na terça-feira (27), o embaixador holandês no Brasil, Kees van Rij, realizou uma reunião muito aberta e construtiva com a nova ministra da Agricultura, Tereza Cristina.

Historicamente, os Países Baixos e o Brasil sempre tiveram boas relações comerciais agrícolas, para benefício de ambos os países. Atualmente, a Holanda é o quarto maior destino de exportação de produtos agrícolas do Brasil depois dos Estados Unidos, China e Argentina.

A Holanda é um pequeno país em tamanho, mas grande nos setores agroalimentar e de horticultura. A Holanda é o segundo maior exportador de produtos agrícolas do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos.

Inovação e pesquisa são fundamentais na agricultura e horticultura holandesas. A Wageningen University & Research, a principal instituição científica e educacional dos Países Baixos nessa área, é considerada uma das melhores universidades agrícolas do mundo.

Universidades e empresas estão constantemente procurando maneiras de tornar nossa pegada agrícola mais enxuta e mais ecológica, com a sustentabilidade como prioridade máxima.