Photo: Apex-Brasil

On October 15 and 16, Apex-Brasil met at its headquarters in Brasilia, at the CNC Business Center Auditorium, 35 centers of PEIEX – Export Qualification Program. PEIEX is a program offered by Apex-Brasil for Brazilian companies to start the export process in a planned and safe manner. The Program is implemented in all regions of the country through Apex-Brasil partnerships with local educational and research institutions, such as Universities, Technology Parks or Research Support Foundations, as well as Industry Federations. The III Meeting of PEIEX Coordinators aimed to provide greater integration and knowledge between the Program executing entities and the various areas of the Agency.

PEIEX has been around for 10 years and has served 23,000 companies. In the last five years, more than 11 thousand companies were served. In 2019, the number of companies reached 1969.

During the event, which was attended by approximately 60 leading professionals of teams applying the PEIEX methodology, the tools that Apex-Brasil offers to support commercial promotion were presented.

The first guest of the day, the Deputy Special Secretary of the Special Secretariat of Foreign Trade and Affairs of the Ministry of Economy Yana Dumaresq, spoke about “Foreign trade and the qualification of companies for exports”. In her talk, she stressed the importance of micro and small enterprises for the development of foreign trade, as well as the relevance of international agreements, the goals and challenges of the current government in this context. “We will only be able to change levels, be an internationalized economy and see more companies playing the game of international trade if we work hand in hand,” said the Secretary.

The second special guest, Counselor Leonardo Enge, General Coordinator of Trade Promotion at the Ministry of Foreign Affairs, spoke about “The Ministry of Foreign Relations in the World and the support to Brazilian companies”. He explained Itamaraty’s new trade promotion structure, what services are offered by the Ministry’s network of Trade Promotion Sectors (SECOMs), and presented how CGPR operates. “Itamaraty’s message is that you, as far as possible, disclose SECOMs to entrepreneurs. The existence of this service, which is neither inaccessible nor impenetrable, is available to all entrepreneurs who export or want to export, ”said Leonardo.

The second day of the event began with a dynamic debate on the Methodological Approach, Program Innovation and Renewal, Customer Profile, Customer Journey and Readiness Index. After lunch, representatives of the ABIMAPI and ABIMAQ entities promoted a debate on “The promotion of Brazilian industry in the international market”. The event was finalized after the presentation of the results of the group discussions.

Source: Apex-Brasil

Apex-Brasil reúne núcleos do PEIEX de 22 estados

Nos dias 15 e 16 de outubro, a Apex-Brasil reuniu em sua sede, em Brasília, no Auditório do Centro Empresarial CNC, 35 núcleos do PEIEX – Programa de Qualificação para Exportação. O PEIEX é um programa oferecido pela Apex-Brasil para as empresas brasileiras iniciarem o processo de exportação de forma planejada e segura. O Programa é implementado em todas regiões do país, por meio de parcerias da Apex-Brasil com instituições locais de ensino e pesquisa, como Universidades, Parques Tecnológicos ou Fundações de Amparo à Pesquisa, além de Federações de Indústria. O III Encontro de Coordenadores do PEIEX teve como objetivo proporcionar maior integração e conhecimento entre as entidades executoras do Programa e as diversas áreas da Agência.

O PEIEX existe há 10 anos e já atendeu 23 mil empresas. Nos últimos cinco anos, foram mais de 11 mil empresas atendidas. Em 2019, o número de empresas chegou a 1969.

Durante o evento, que contou com aproximadamente 60 profissionais líderes de equipes aplicadoras da metodologia do PEIEX, foram apresentadas as ferramentas que a Apex-Brasil oferece de apoio à promoção comercial.

A primeira convidada do dia, a Secretária Especial Adjunta da Secretaria Especial de Comércio Exterior e assuntos do Ministério da Economia Yana Dumaresq, falou sobre “O comércio exterior e a qualificação de empresas para as exportações”. Em sua palestra, ela ressaltou a importância das micro e pequenas empresas para o desenvolvimento do comércio exterior, e também a relevância dos acordos internacionais, das metas e desafios do Governo atual nesse contexto. “Nós só vamos conseguir mudar de patamar, ser uma economia internacionalizada e ver mais empresas jogando o jogo do comércio internacional, se trabalharmos de mãos dadas”, reiterou a Secretária.

O segundo convidado especial, o Conselheiro Leonardo Enge, Coordenador-Geral de Promoção Comercial do Ministério das Relações Exteriores, falou sobre “O Ministério das Relações Exteriores no Mundo e o apoio às empresas brasileiras”. Ele explicou a nova estrutura de promoção comercial do Itamaraty, quais serviços são oferecidos pela rede de Setores de Promoção Comercial (SECOMs) do Ministério, e apresentou como a CGPR opera. “O recado do Itamaraty é que vocês, na medida do possível, divulguem os SECOMs para os empresários. A existência desse serviço, que não é inacessível e nem impenetrável, está à disposição de todos os empresários que exportam ou que querem exportar”, ressaltou Leonardo.

O segundo dia de evento se iniciou com uma dinâmica de debate sobre os temas Abordagem Metodológica, Inovação e Renovação do Programa, Perfil do Cliente, Jornada do Cliente e Índice de Prontidão. Após o almoço, representantes das entidades ABIMAPI e ABIMAQ promoveram um debate sobre “A promoção da indústria brasileira no mercado internacional”. O evento foi finalizado após a apresentação dos resultados da das discussões dos grupos.

Fonte: Apex-Brasil