Photo: Paulo JC Nogueira/Creative Commons

European Union representative highlights historical relationship with Brazil

Due to its economic potential and strategic location in relation to Mercosur, Rio Grande do Sul was the chosen state to host the annual mission of the ambassadors of the European Union member states in Brazil. The event starts this Wednesday (4) and goes until Sunday (8). The objective is to allow the exchange of information on economic, commercial and investment issues between the two blocks.

According to Ignacio Ybañez Rubio, Ambassador of the European Union (EU) in Brazil, Europe’s relationship with Brazil is “intimate” both culturally and historically. “This harmony opens many doors to economic relations. Those in South America need to look at Rio Grande do Sul, which is not only a Brazilian state, but also a state integrated with the cultures of Argentina, Chile and Uruguay.”, highlighted.

The European Union-led mission has representatives from Germany, Austria, Belgium, Cyprus, Croatia, Denmark, Slovenia, Spain, Finland, Greece, Ireland, Luxembourg, the Netherlands, Poland, Portugal, Czech Republic, Romania and Sweden.

Rubio also stressed the good trade relations maintained by Rio Grande do Sul with Europe. He noted that Rio Grande do Sul’s trade balance with the European Union is positive for the Brazilian state. In 2018, Rio Grande do Sul exported US$ 4.1 billion to the European Union and imported US$ 1.6 billion from the bloc’s countries.

Besides the economic highlight, represented by the opportunities that the EU-Mercosur Agreement will bring in the future, Porto Alegre, the state capital, is the ideal place for Europeans to visit, Rubio noted. He recalled that the city is the result of cultural influences from various countries in the EU.

On Thursday (5), European ambassadors will have institutional meetings in the state and participate in the EU-Brazil Strategic Partnership seminar, in Rio Grande do Sul.

The event will be held at the Federal University of Rio Grande do Sul and will address topics such as European and academic values, state-EU academic partnerships, innovation and technology. After the seminar, the European representatives will attend a lunch offered by the Porto Alegre City Hall. In the afternoon, the ambassadors will take a guided tour of Stihll, a successful European company in Brazil, specializing in products for the forestry, farming, professional gardening, cleaning and conservation and construction markets. At the end of the day, they will meet with leaders of the Rio Grande do Sul Agriculture Federation (Farsul) for a dinner.

Source: Agência Brasil

Rio Grande do Sul será sede do encontro anual de embaixadores europeus

Representante da União Europeia ressalta relação histórica com Brasil

Pelo seu potencial econômico e pela localização estratégica em relação ao Mercosul, o Rio Grande do Sul foi o estado escolhido para sediar a missão anual dos embaixadores dos estados-membros da União Europeia no Brasil. O evento começa nesta quarta-feira (4) e vai até domingo (8). O objetivo é permitir a troca de informações sobre temas econômicos, comerciais e investimentos entre os dois blocos.

Segundo o Embaixador da União Europeia (UE) no Brasil, Ignacio Ybañez Rubio, a relação da Europa com o Brasil é “íntima”  tanto no aspecto cultural quanto histórico. “Essa sintonia abre muitas portas para as relações econômicas. Quem está na América do Sul precisa olhar para o Rio Grande do Sul, que não é apenas um estado brasileiro, mas também um estado integrado às culturas da Argentina, do Chile e do Uruguai”, destacou.

A missão liderada pela União Europeia conta com representantes da Alemanha, Áustria, Bélgica, de Chipre, da Croácia, Dinamarca, Eslovênia, Espanha, Finlândia, Grécia, Irlanda, de Luxemburgo, dos Países Baixos, da Polônia, de Portugal, da República Tcheca, Romênia e Suécia.

Rubio ressaltou também as boas relações comerciais mantidas pelo Rio Grande do Sul com a Europa. Ele observou que a balança comercial do Rio Grande do Sul com a União Europeia é positiva para o estado brasileiro. Em 2018, o Rio Grande do Sul exportou  US$ 4,1 bilhões para a União Europeia e importou  US$ 1,6 bilhão dos países do bloco.

Além do destaque econômico, representado pelas oportunidades que acarretará no futuro o Acordo UE- Mercosul, Porto Alegre, a capital do estado, é o local ideal para ser visitada por europeus, observou Rubio. Ele lembrou que a cidade é fruto de influências culturais de diversos países que integram a UE.

No quinta-feira (5), embaixadores europeus terão encontros institucionais no estado e participarão do seminário Parceria Estratégica UE-Brazil, no âmbito do Rio Grande do Sul.

O evento será na Universidade Federal do Rio Grande do Sul e abordará assuntos como valores europeus e acadêmicos, parcerias acadêmicas entre o estado e a UE, inovação e tecnologia. Após o seminário, os representantes europeus participarão de almoço oferecido pela prefeitura de Porto Alegre. À tarde, os embaixadores farão uma visita guiada  à Stihll, empresa europeia de sucesso no Brasil, especializada em produtos destinados aos mercados florestal, agropecuário, jardinagem profissional, limpeza e conservação e construção civil. No fim do dia, eles se encontrarão com dirigentes da Federação de Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul), em um jantar.

Fonte: Agência Brasil