Photo: Pixabay

In both the Netherlands and the rest of the EU, unemployment has stopped declining in recent months. As of May 2019, the EU-28 unemployment rate has been 6.3 percent while Dutch unemployment has stood at 3.5 percent since August. This puts the Netherlands among the six EU countries with the lowest levels of unemployment. Statistics Netherlands (CBS) reports this on the basis of new figures.

In the spring of 2019, the Netherlands recorded the lowest unemployment rate since the onset of the economic crisis in 2008. From March through May, unemployment stood at 3.3 percent of the labour force. It started ascending in June, to reach 3.5 percent in August. Subsequently, unemployment remained unchanged. The same trend was visible across the EU-28. The EU unemployment rate has averaged 6.3 percent as of May 2019.

EU-28 unemployment figures are available up to and including October 2019 while Dutch unemployment figures are available over the period up to and including November 2019.

Unemployment rates vary widely among the 28 countries of the European Union. The highest rates were recorded in Greece and Spain, at 16.8 and 14.2 percent of the labour force respectively. At 3.5, the Netherlands was among the six EU countries with the lowest unemployment rates. Only Malta, Poland, Germany and the Czech Republic had lower rates. In Hungary, unemployment was at the same level.

Unemployment has declined in 12 of the 28 EU countries as of May. Eight countries have seen an increase while the percentage has remained the same in the remaining eight countries. Just as in the Netherlands, the rate has hardly changed in the other five countries with the lowest unemployment over the past six months. For example, the unemployment rate in Germany has stood at 3.1 percent since May, and in the Czech Republic (2.2 percent) as well, the decline in unemployment has come to a halt.

Unemployment is determined according to the unemployment definition of the International Labour Organization (ILO). An unemployed person is someone who does not have paid employment but who has been actively seeking work and is available to start work in the next few weeks. The unemployment rate is determined by comparing the number of unemployed with the labour force aged 15 to 74 years. The labour force comprises all people in work (all those in paid employment) and all unemployed.

Source: Statistics Netherlands (CBS)

Países Baixos: declínio no desemprego está diminuindo, também na UE

Nos Países Baixos e no resto da UE, o desemprego parou de diminuir nos últimos meses. Em maio de 2019, a taxa de desemprego na UE-28 era de 6,3%, enquanto o desemprego na Holanda era de 3,5% desde agosto. Isso coloca a Holanda entre os seis países da UE com os níveis mais baixos de desemprego. A Statistics Netherlands (CBS) relata isso com base em novos números.

Na primavera de 2019, a Holanda registrou a menor taxa de desemprego desde o início da crise econômica em 2008. De março a maio, o desemprego atingiu 3,3% da força de trabalho. Começou a subir em junho, atingindo 3,5% em agosto. Posteriormente, o desemprego permaneceu inalterado. A mesma tendência foi visível na UE-28. A taxa de desemprego na UE atingiu em média 6,3% em maio de 2019.

Os números de desemprego na UE-28 estão disponíveis até outubro de 2019, inclusive, enquanto os holandeses estão disponíveis durante o período até novembro de 2019, inclusive.

As taxas de desemprego variam amplamente entre os 28 países da União Europeia. As taxas mais altas foram registradas na Grécia e na Espanha, com 16,8 e 14,2% da força de trabalho, respectivamente. Em 3,5%, a Holanda estava entre os seis países da UE com as menores taxas de desemprego. Apenas Malta, Polônia, Alemanha e República Tcheca apresentaram taxas mais baixas. Na Hungria, o desemprego estava no mesmo nível.

O desemprego caiu em 12 dos 28 países da UE a partir de maio. Oito países viram um aumento, enquanto a porcentagem permaneceu a mesma nos oito países restantes. Assim como na Holanda, a taxa quase não mudou nos outros cinco países com o menor desemprego nos últimos seis meses. Por exemplo, a taxa de desemprego na Alemanha ficou em 3,1% desde maio e, na República Tcheca (2,2%), o declínio do desemprego parou.

O desemprego é determinado de acordo com a definição de desemprego da Organização Internacional do Trabalho (OIT). Uma pessoa desempregada é alguém que não tem emprego remunerado, mas que está buscando ativamente trabalho e está disponível para começar a trabalhar nas próximas semanas. A taxa de desemprego é determinada comparando o número de desempregados com a força de trabalho com idades entre 15 e 74 anos. A força de trabalho compreende todas as pessoas que trabalham (todas as que têm emprego remunerado) e todos os desempregados.

Fonte: Statistics Netherlands (CBS)