Photo: Pxfuel

Statistics Netherlands (CBS) reports that in September 2020 the Dutch retail sector recorded 7.6 percent year-on-year turnover growth. The volume of sales rose by 5.5 percent. Turnover was up in both the food sector and the non-food sector. Furthermore, online sales increased by almost 35 percent.

Retail turnover data have been adjusted for changes in the shopping-day pattern. Retail sales tend to vary from one day to the next. If the shopping-day pattern is not taken into account, retail turnover in September 2020 was 10.2 percent higher than in the same month last year.

Turnover in non-food sector over 6 percent higher

In September, turnover in the non-food sector was up by 6.2 percent year-on-year. The volume of sales (adjusted for price changes) grew by 4.4 percent. 

Shops selling DIY products, kitchens and flooring, and shops selling furniture and home furnishings achieved the highest turnover growth in September. Turnover by shops selling recreational goods, shops selling consumer electronics and white goods and shops selling personal care products was up as well.

The recovery in turnover of shops selling footwear and leather products and clothes shops stalled in September. After the sharp decline in turnover in the spring, turnover losses became smaller again in the summer. Clothes shops experienced a slight contraction in August, while shops selling footwear realised a small increase in turnover. In September, both shops experienced a significant decline in sales again, similar to the one in June.

5.5 percent more turnover for shops selling food

In September 2020, shops selling food, beverages and tobacco achieved 5.5 percent more turnover than in the same month last year. The volume of sales increased by 3.0 percent. Supermarkets saw year-on-year turnover growth of 5.4 percent. At 5.9 percent, the turnover increase of specialist shops was well over 5 percent for the fifth month in a row.

Online turnover almost 35 percent higher

In September 2020, online shops saw their turnover go up by 34.8 percent relative to September 2019. Web shops recorded a turnover increase of 29.6 percent; their core activity is selling goods and services over the Internet. Multichannelers (retailers selling goods and services over the Internet as a side activity) achieved 42.1 percent higher turnover in online sales.

Source: Statistics Netherlands

Holanda: Volume de negócios no varejo quase 8% maior em setembro

A Statistics Netherlands (CBS) relata que em setembro de 2020 o setor de varejo holandês registrou 7,6 por cento de crescimento no volume de negócios em comparação com o mesmo período do ano anterior. O volume de vendas aumentou 5,5%. O volume de negócios aumentou tanto no setor alimentar como no não alimentar. Além disso, as vendas online aumentaram quase 35%.

Os dados do varejo foram ajustados para mudanças no padrão do dia de compras. As vendas no varejo tendem a variar de um dia para o outro. Se o padrão de dias de compras não for levado em consideração, o faturamento no varejo em setembro de 2020 foi 10,2% maior do que no mesmo mês do ano passado.

Volume de negócios no setor não alimentar mais de 6 por cento maior

Em setembro, o volume de negócios no setor não alimentar aumentou 6,2 por cento em relação ao ano anterior. O volume de vendas (ajustado pelas mudanças de preço) cresceu 4,4%.

Lojas que vendem produtos de bricolagem, cozinhas e pisos e lojas que vendem móveis e artigos de decoração alcançaram maior crescimento de faturamento em setembro. O volume de negócios de lojas que vendem produtos recreativos, lojas que vendem eletrônicos e produtos da linha branca e lojas que vendem produtos de higiene pessoal também aumentaram.

A recuperação do faturamento das lojas de calçados e produtos de couro e das lojas de roupas estagnou em setembro. Após a queda acentuada da receita na primavera, as perdas na receita voltaram a ser menores no verão. As lojas de roupas sofreram uma ligeira contração em agosto, enquanto as lojas de calçados registraram um pequeno aumento no faturamento. Em setembro, as duas lojas voltaram a registrar uma queda significativa nas vendas, semelhante à de junho.

Faturamento 5,5% maior para lojas que vendem alimentos

Em setembro de 2020, as lojas que vendiam alimentos, bebidas e tabaco obtiveram 5,5% mais faturamento do que no mesmo mês do ano passado. O volume de vendas aumentou 3,0%. Os supermercados registraram um crescimento anual de 5,4% na receita. Com 5,9%, o aumento do faturamento das lojas especializadas foi bem superior a 5% pelo quinto mês consecutivo.

Volume de negócios online quase 35 por cento maior

Em setembro de 2020, as lojas online viram seu faturamento aumentar 34,8% em relação a setembro de 2019. As lojas virtuais registraram um aumento no faturamento de 29,6%; sua atividade principal é a venda de bens e serviços pela Internet. Os multicanais (varejistas que vendem bens e serviços pela Internet como atividade paralela) alcançaram um volume de negócios 42,1% maior nas vendas online.

Fonte: Statistics Netherlands